quinta-feira, 22 de abril de 2010

22 abril



22 abril
Saí bem cedinho estava o sol a aparecer, e começou o martírio…sair de Bamako. Tanta, mas tanta confusão, o GPS a mandar para uma estrada que a policia não me deixou passar, mas consegui voltar a ela mais tarde. Só que uns quilómetros mais á frente, a estrada acabava mesmo no aeroporto. Imaginei que foi feito depois, por isso resolvi contornar o aeroporto, por uma picada e lá dei com o seguimento da estrada.
O dia estava mesmo esquisito, segundo um policia, devido á nuvem de poluição do vulcão. Imaginem onde chegou…incrível.
Desta vez, as estradas estavam mesmo muito más e foi o dia em que andei mais em terra. Mas até que se anda bem, menos um bocado que apanhei mesmo areia e aí, com o peso e os pneus estreitos e mistos, torna-se muito difícil progredir sem mandar malhos. Até agora não me tenho safado mal, mas tenho mesmo que ter cuidado, por vezes uma queda mesmo pequena, estraga muita coisa.
Quase a chegar a Burkina Fasso, aconteceu-me uma coisa incrível: Senti um cheiro característico…parei e apanhei o fruto e claro…comi-o logo. Que sabor diferente, exactamente igual ao que me lembrava e que já não comia á 37 anos. Estou a falar da pêra de caju, em Portugal só nos chega a castanha. As mangueiras estão mesmo carregadinhas de mangas e se não estivessem quentes, dizia-lhes.
Continuo a ver montes de burros, vacas e cabras…por aqui também não estão em vias de extinção eheh.
De manhã, tomei algo parecido (pelo menos na cor) com um café e rapidamente perdi a tristeza com que estava ontem, concentrando-me na viagem, disfrutando da paisagem. Hoje vi um rabo de junca, um pássaro lindíssimo com umas penas enormes no rabo. Vêm-se também muitos milhafres, aves de rapina enormes. Afinal não sei só andar de moto eheheh.
Desde que saí da Câmara Municipal de Penafiel, já atravessei Espanha, Marrocos, Sahara Ocidental, Mauritânia, Senegal, Mali e finalmente estou em Burkina Fasso. até agora, parece-me um pais muito mais verde, mas as povoações assemelham-se muito, todas á face da estrada onde fazem todas as suas vidas.
Hoje acabei por descobri mais um hotel com ar condicionado, em Orodara, a 80 kms de Bobo-dioulasso. É gerido por uma francesa e tem internet e bar com música de noite. Tasse bem…
Bamako – Orodara total 490 kms

3 comentários:

  1. Amigo

    um grande abraço
    Rui Baltazar

    ResponderEliminar
  2. A PR4 e uma das rectas que te vai levar a Pretória :) . Abraço grande. Nuno

    ResponderEliminar
  3. Força aí e que tudo corra da melhor forma!

    Grande Abraço
    CP

    ResponderEliminar